Covid-19: DF tem apenas um leito de UTI pediátrico vago na rede privada

Segundo o site InfoSaúde, do GDF, entre todos os hospitais particulares, há apenas um leito vago para paciente pediátrico. Taxa de ocupação de leito de UTI adulto é de 100%.

Empty hospital bed

Superlotada, a rede hospitalar privada do Distrito Federal está com apenas um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrico para tratamento da covid-19. Segundo a última atualização do site InfoSaúde-DF, às 8h10 desta quinta-feira (15/4), a taxa de ocupação de leito adulto está em 100% nesta pandemia.

Os leitos de UTI adulto e pediátrico, juntos, totalizam 446. Desses, 402 estão ocupados por pacientes com suspeita ou confirmação da covid-19, e 43 estão bloqueados na rede de saúde privada. Nos hospitais públicos, há 17 leitos de UTI da covid-19 disponíveis para novos pacientes com a doença, sejam eles adulto, pediátrico ou neonatal. Desse grupo, a taxa de ocupação está em mais de 96%. De todos os 472 leitos da rede, 439 acomodam pacientes, 15 estão na fila de liberação e apenas um está bloqueado.

Somente para pacientes adultos, a taxa de ocupação de UTI da covid-19 está em 98%, segundo os últimos dados da Secretaria de Saúde, divulgados às 6h10 desta quinta.

Espera por leito de UTI

Ainda de acordo com o portal InfoSaúde-DF, a lista de espera por um leito de Unidade de Terapia Intensiva da covid-19 tem 196 pessoas com suspeita ou confirmação da doença. Outros 31 pacientes foram direcionados para um leito, e nove encontram-se na lista de transferência entre UTIs.

Por faixa etária, a idade com mais pacientes à espera de um leito de UTI para tratar a doença é de 63 anos. São 10 pessoas neste grupo. Em segundo, há nove enfermos de 68 anos.

Fonte: https://www.correiobraziliense.com.br/

Acesse mais notícias em nosso blog

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on twitter

SLAM – SANTA LUZIA ASSISTÊNCIA MÉDICA S/A – CNPJ: 36.751.634/0001-23